Faixa publicitária
Homilia na Bênção dos finalistas PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Documentos - Homilias 2016

1.O evangelho agora proclamado começava assim: ”Naquele tempo disse Jesus aos seus discípulos: «Quem me ama guardará a minha Palavra e Deus, meu Pai, o amará» (Jo 14, 23).

 

Irmãos e irmãs, caríssimos Finalistas

Os discípulos do Senhor Jesus, hoje, somos também nós: ouvintes da Sua Palavra, continuadores da Sua missão e destinatários deste amor de Deus, um amor de ternura, de bondade e de misericórdia.

É nos discípulos que hoje Jesus, também, se manifesta. Através deles anuncia-se a “Alegria do Evangelho”. E deles o mundo espera atitudes de coerência de vida e gestos de serviço multiplicado e praticado nas obras de misericórdia corporais e espirituais. São muitos em todo o mundo, e também aqui, os homens e mulheres, vossos pais e vossos mestres, vossos amigos e companheiros de escola e de universidade que conjugam exemplarmente a sabedoria e a acção, a paciência e a perseverança, o espírito construtivo e o serviço voluntário, o trabalho e o sonho, a entrega à família e a presença ativa e interventiva na Igreja e no Mundo.

 

É também esta a nossa missão. Sabemos por promessa expressa de Jesus, que Ele não nos deixou sós. Já no momento maior do Calvário confiou-nos aos cuidados de Sua Mãe. No tempo de ressuscitado vivido com os discípulos anuncia-nos a vinda do Espírito Santo (cf Jo 14, 23-29). É Jesus ainda que nos tranquiliza mesmo nas horas mais perplexas e dolorosas: “Deixo-vos a paz, dou-vos a minha paz…Não se perturbe nem intimide o vosso coração” (Jo 14, 27).

Tem sido este também o testemunho das comunidades cristãs, alimentadas pela palavra de Jesus e pelos sacramentos da Igreja e fortalecida pela paz que nos vem da presença do Espírito Santo. Assim aconteceu em Jerusalém como nos dizia o livro dos Actos dos Apóstolos (cf Act 15, 1-2, 22-29). Assim acontece hoje e aqui.

2. Abençoa-nos neste caminho de peregrinação a presença da Mãe de Jesus, como sempre o fez ao longo da história da Igreja. Hoje sentimo-la mais próxima e mais solícita junto de nós na Imagem Peregrina da Senhora de Fátima, em visita às dioceses portuguesas. Conclui-se hoje na nossa Diocese esta bela peregrinação. Esta providencial coincidência, caríssimos finalistas, de terdes convosco a presença da Mãe acompanhar-vos-á sempre como certeza de bênção e incentivo à confiança, à alegria e à coragem. Voltai para esta Mãe de ternura o vosso olhar. Aprendei a olhar a vida e a construir o futuro guiados por este olhar terno e conduzidos pela mão atenta da Mãe de Jesus e nossa Mãe, também.

A maior alegria das Mães é ver reunidos todos os seus filhos! É a Mãe de Jesus e nossa Mãe que nos convoca e reúne, neste dia da Bênção dos Finalistas da Academia do Porto. A Mãe de Jesus junta-se à Festa da Bênção ao lado das vossas Mães.

Queremos rezar por vós e cantar convosco a alegria deste dia, de olhar voltado para esta Imagem Peregrina, que nos lembra as maravilhas que Deus realizou em Maria, a Mãe de Jesus.

A maior alegria dos filhos, por seu lado, é estar ao redor da Mãe. Pelas mães fomos embalados no berço da vida e com elas crescemos, aconchegados pela sua ternura. Isso sentem, mesmo aqueles para quem o nome de mãe evoca a saudade de alguém que cedo partiu ou a ausência daquela que demora a chegar, porque nunca morrem as mães no coração agradecido de seus filhos!

A mãe é silêncio que fala, presença que ninguém substitui, lugar que jamais alguém preenche, palavra que o tempo não desgasta, rosto que não envelhece e escola da vida e do bem. A mãe é o dom maior e mais belo do amor de Deus. Um dom de sempre e para sempre! Obrigado, Mães!

Só o nosso coração tem largueza e tempo para guardar o testemunho corajoso dos estudantes que vós sois. Tendes a graça e a bênção de viver esta hora de alegria e de fé, como cristãos que sois, na presença da “Senhora mais brilhante do que o sol!”, que há quase cem anos se manifestou na Cova da Iria, em Fátima, a três humildes pastorinhos: Lúcia, Francisco e Jacinta.

Hoje como nessa hora de 13 de maio de 1917, Maria transporta segredos de Deus no seu Imaculado Coração de Mãe, e traz consigo as lágrimas  silenciosas, os sofrimentos, as esperanças, as alegrias e os sonhos de quantos a  invocam, com profundo amor e ternura filial. Dá-nos, ó Mãe, o segredo da alegria de sermos teus filhos no Filho que é Jesus. Faz-nos cheios de graça e felizes, na graça que nos destes.

Rezo-te, ó Mãe, por estes jovens finalistas da Academia do Porto, que este ano concluem os seus cursos, para que os ajudes a transformar os sonhos de ontem e a alegria de hoje em caminhos de um tempo novo, abençoado por Deus.

3. Caros Finalistas: Parabéns pelo trabalho realizado, pelos êxitos conseguidos, pelos sonhos embalados! Sabemos todos como são difíceis para vós os caminhos do futuro, sobretudo no campo do trabalho profissional. Não estais sós neste caminho! Tendes direito a exigir um mundo melhor e a contribuir para que ele seja possível e não tarde a chegar. Dai-nos a coragem do sonho para caminharmos mais depressa, mas aprendei com os adultos a sabedoria da vida, para que se faça melhor o caminho. Vós sois os herdeiros do futuro.

Neste Dia do Trabalhador e Dia litúrgico de S. José, Operário, temos todos o dever de trabalhar por um mundo justo e solidário. E nunca haverá um mundo justo e solidário sem tecto, sem trabalho e sem terra para todos. A Palavra de Deus e a firmeza da fé ensinam-nos a não desistirmos deste sonho e a não abdicarmos deste dever.

4. Na aurora do Dia da Mãe lembro-te, ó Mãe, todas as mães. Foram as nossas mães que nos ensinaram a chamar-te Mãe e a acenar-te com as nossas mãos tímidas de criança, como há dias uma mãe, à tua passagem, ensinava o seu filho pequenino.

E queremos dizer contigo a todas as mães: Parabéns, mesmo que ninguém mais vos felicite! E Obrigado, mesmo que ninguém mais vos agradeça!

Não sei dizer muitas mais palavras para agradecer a visita de Nossa Senhora. Apenas os recados que disse ao ouvido de Maria, quando ela cruzou o Seu coração com o meu ao longo deste caminho pela Diocese.

Também não sei pedir mais, se não fazer minhas as vossas preces, caríssimos estudantes finalistas, e pedir-vos para escutardes os segredos que Maria vos traz da parte de Deus.

5. Ao longo destes dias, a Mãe de Deus, ensinou-me com mais clareza a descobrir o valor sagrado e eterno das lágrimas que trazem a água do nosso Rio e o sal do nosso Mar, como há dias ouvi rezar e rezei também eu em tantos lugares por onde esta Imagem Peregrina passou. E é dessa mesma oração esta bela mensagem, que aqui faço minha para que seja de todos vós:

“A Imagem vai pesada de nós: leva a festa e leva o sonho,

Leva o trabalho e leva a esperança…

Leva-nos a todos e a cada um…

A Imagem vai. Fica a Mãe. E a Mensagem de conversão que trouxe.

Desta visita, guardarei a certeza de que nunca ficaremos sozinhos.

Porque a Mãe estará onde eu estiver:

na casa, na família, na praça, na escola, na prisão, no hospital, na fábrica, na igreja.

Não tenho mais nada, ó Mãe!.

Apenas a voz das gentes do Porto e a nobreza do seu coração, que querem o Teu amor de Mãe”.

Obrigado ó Mãe!

Obrigado, Estudantes! Obrigado, Pais e Mães destes Estudantes!

Obrigado, Professores! Obrigado, Academia do Porto!

Obrigado, Sacerdotes, Religiosos e Leigos que trabalhais com tanta alegria e dedicação na Pastoral Universitária!

Que Deus vos abençoe e Nossa Senhora, padroeira da Cidade do Porto, vos proteja e guie sempre e para sempre!

Avenida dos Aliados, 1 de maio, na Bênção dos Finalistas, de 2016

António, Bispo do Porto

 
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Quer receber as nossas novidades no seu e-mail? Subscreva a nossa Newsletter especificando o seu endereço de e-mail:

Entrada Solene de D. Manuel Linda na Diocese do Porto

Agência Ecclesia

Guia?o.56.ª.Semana.Orac?a?o.Vocac?o?es Versão reduzida
2019-04-26 12:20:40
Cartaz e banner FB
2019-04-17 14:56:29
Pagela Oração
2019-04-17 14:56:10
Guião
2019-04-17 14:55:11
Faixa publicitária
Faixa publicitária


© Diocese do Porto, Todos os Direitos Reservados.