Faixa publicitária
Tempo de Oração pela Criação no Grande Porto PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Notícias - Notícias Secretariados

De 1 de setembro a 4 de outubro, os cristãos em todo o mundo unem-se na ação e na oração pela criação. É o “Tempo da Criação”, celebrado em todas as partes do globo.

Caros irmãos e irmãs em Cristo,

“Pergunta, pois, aos animais e eles te ensinarão; às aves do céu e elas te instruirão. Fala (aos répteis) da terra, e eles te responderão, e aos peixes do mar, e eles te darão lições. Entre todos esses seres quem não sabe que a mão de Deus fez tudo isso?” (Jó 12,7-9).

Um vez por ano, de 1 de setembro a 4 de outubro, os membros da família de Cristo reservam um tempo para aprofundar seu relacionamento com o Criador, com o próximo e toda a criação. Estamos a falar do Tempo da Criação, que teve início em 1989 com o primeiro reconhecimento do dia de oração pela criação por parte do Patriarcado Ecuménico de Constantinopla, mas que agora é celebrado por toda a família ecuménica.

Durante o Tempo da Criação, unimo-nos para celebrar a boa dádiva da criação e refletir sobre o cuidado que lhe dispensamos. Essa é uma oportunidade preciosa que temos para interromper as nossas rotinas diárias a fim de contemplar a teia de vida que nos une.

À medida que a crise ambiental se aprofunda, nós cristão somos chamados a dar testemunho de nossa fé, tomando medidas ousadas para preservar a dádiva que partilhamos. Como canta o salmista: “Do Senhor é a terra e tudo o que ela contém, a órbita terrestre e todos os que nela habitam” (Salmo 24,1). Durante o Tempo da Criação, devemos perguntar-nos: Será que nossas ações honram o Senhor como Criador? Existe alguma forma de aprofundar a nossa fé, protegendo os nossos irmãos e irmãs mais vulneráveis, que sofrem as consequências diretas da degradação ambiental?

Nós convidamo-lo a juntar-se a nós numa jornada de fé que nos desafia e recompensa com novas perspetivas e laços mais profundos de amor. Unidos por um desejo sincero de proteger a criação e todos os que a partilham, damos as nossas mãos como irmãos e irmãs em Cristo, independentemente das nossas denominações. Neste Tempo da Criação, caminharemos juntos para desempenhar melhor o nosso papel como guardiões da criação.

“Bendize, ó minha alma, o Senhor! Senhor, meu Deus, vós sois imensamente grande! De majestade e esplendor vos revestis, envolvido de luz como de um manto. Vós estendestes o céu qual pavilhão” (Salmo 104,1-2).

Consigo, damos graças pela comunidade de cristãos em todo o mundo que tem levado o amor para o Tempo da Criação, e louvamos ao Criador pelas dádivas que recebemos.

Na graça de Deus,

Arcebispo Job de Telmessos, Representante Permanente do Patriarcado Ecuménico ao Conselho Mundial de Igrejas, em nome de Sua Santidade, o Patriarca Ecuménico Bartolomeu I

V. Em.ª Justin Welby, Arcebispo de Cantuária

Cardeal Peter K. A. Turkson, Presidente do Dicastério para o Serviço do Desenvolvimento Humano Integral

Dr. Olav Fykse Tveit, Secretário Geral do Conselho Mundial de Igrejas

Bispo Efraim Tendero, Secretário Geral da Aliança Mundial Evangélica

Dr. Martin Junge, Secretário Geral da Federação Luterana Mundial

Rudelmar Bueno de Faria, Secretário Geral da ACT Alliance

 

 
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Quer receber as nossas novidades no seu e-mail? Subscreva a nossa Newsletter especificando o seu endereço de e-mail:

Entrada Solene de D. Manuel Linda na Diocese do Porto

Agência Ecclesia

Guia?o.56.ª.Semana.Orac?a?o.Vocac?o?es Versão reduzida
2019-04-26 12:20:40
Cartaz e banner FB
2019-04-17 14:56:29
Pagela Oração
2019-04-17 14:56:10
Guião
2019-04-17 14:55:11
Faixa publicitária
Faixa publicitária


© Diocese do Porto, Todos os Direitos Reservados.