Faixa publicitária
Vigararia da Maia encerrou em festa as Visitas Pastorais PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Notícias - Notícias Vigararias

A Maia já há alguns anos que não recebia a Visita Pastoral do Bispo da Diocese ou seus Auxiliares desde 2006/07. A última foi feita por D. João Miranda Teixeira, que percorreu todas as Paróquias da Vigararia.

Por vontade e desejo Pastoral do Senhor D. António Francisco dos Santos, de saudosa memória, e dos seus Bispos Auxiliares e conselho Presbiteral e dos Leigos e outras instâncias pastorais diocesanas a Vigararia da Maia seria a primeira a ter a Visita Pastoral, de todos os Bispos da Diocese. Pelos 4 foram divididas as Paróquias. Em setembro Deus chamou a si D. António Francisco. Um onda de tristeza varreu toda a Diocese. Foi celebrada a sua morte. “Perdemos um Bispo e Amigo, mas recebemos um Santo”.

 

Porque a vida da Igreja é um continuar a missão de Jesus , começaram as Visitas Pastorais com os três Bispos Auxiliares, em outubro de 2017 e terminaram a 28 de janeiro de 2018.

Cada Paróquia fez caminho.Acolheu o Bispo com emoção, alegria. A terra foi arada e as sementes evangélicas foram lançadas e vão germinar, melhor, já começaram a germinar.

Desde o início foi programado o Encerramento, com a presença de todos os “operários” da messe do Senhor.

Este encontro final realizou-se, dia 4 de fevereiro e no Pavilhão de ténis da Cidade da Maia, que de Pavilhão se tornou catedral para celebrar a Eucaristia onde toda a Vigararia teria lugar. Foram milhares os que participaram em toda a Liturgia.

Voz Portucalense, como semanário Diocesano, divulgou cada uma das visitas.

No encerramento, no domingo 4 de fevereiro de 2018, estiveram os três Bispos da Diocese: D. António Taipa, Administrador Diocesano e D. Pio Alves de Sousa e D. António Augusto Azevedo, Bispos Auxiliares, os Párocos e Diáconos residentes na Maia. O Vigário, P. Orlando Santos, fez a introdução e o agradecimento final. A procissão de entrada foi feita com a Cruz Paroquial de cada paróquia e o muitos estandartes. Tudo esteve muito bem: o Grupo Coral embelezou a celebração; e todos fizeram tudo muito bem.

No Momento da homilia D. António Taipa afirmou: Encerramos hoje e aqui a nossa Visita Pastoral a estas belas Terras da Maia. A esta gente feliz e criativa, alegre e aberta à novidade de cada

tempo. Que vai sabendo responder aos desafios e às solicitações de cada época. Aberta, ao futuro aberto à vida.

Salientou a propósito dos Bispos se encontrarem com o povo de Deus, “para o ouvir e o sentir, auscultar nos seus projetos e realizações, nos seus sonhos e nas suas esperanças”, e também estabelecer com os párocos uma relação afetiva de amizade.

Lembrou “a simplicidade e a nobreza como fomos recebidos em toda a parte. Desde a Câmara Municipal, às Juntas de Freguesia, das unidades de trabalho às sedes sociais das diversas associações, até à casa mais humilde que tivemos o gosto e a felicidade de

visitar. A alegria com que nos olhastes e nos falastes, com que nos acompanhastes em muitas atividades!

Foi uma cerimónia rica em sinais, alegrada com a música e os cânticos e com a participação de todas as paróquias, sublinhem-se as palavras de agradecimento pelo acolhimento, esforço e trabalho dos diferentes agentes de cada paróquia e, de substancial importância, as palavras de incentivo e de coragem para todos os que assumindo as dificuldades, limitações, e tantas vezes, desânimos, revelam-se extraordinários na perseverança, na força e na fé.

Cada paróquia apresentou o seu compromisso, em resultado da visita, e recebeu uma Bíblia assinada pelos três Bispos, na perspetiva de elevar a Palavra e torná-la força motriz de uma Igreja em saída. D. Pio Alves, nas suas palavras finais, lembrou que “... a visita pastoral não encerra aqui, nesta cerimónia. A visita pastoral está a passar por aqui (...)”.

Porque era inevitável não falar nem pensar em D. António Francisco, cremos que, junto de Deus, estará com certeza contente com o resultado desta Visita Pastoral e com os frutos que deixou nas diferentes paróquias.”

((PS; PIl; BT; IA e PDJ)

 
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Quer receber as nossas novidades no seu e-mail? Subscreva a nossa Newsletter especificando o seu endereço de e-mail:

Entrada Solene de D. Manuel Linda na Diocese do Porto

Agência Ecclesia

Word - V4
2018-10-10 14:32:33
PDF - V4
2018-10-10 14:30:44
Recursos Gráficos
2018-07-13 15:07:10
Faixa publicitária
Faixa publicitária


© Diocese do Porto, Todos os Direitos Reservados.