Faixa publicitária
Entrada Solene - Mensagem de D. António Taipa PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Documentos - Textos e Apresentações


Meus irmãos

O nosso muito obrigado por terem aceite o convite para participar nesta solene Celebração Eucarística que marca o início do serviço episcopal, nesta nossa querida Diocese do Porto, do Senhor Dom Manuel da Silva Rodrigues Linda. É um momento histórico para a nossa diocese. Um novo Bispo. Uma nova etapa na sua história.

Devo uma palavra ao terminar a minha missão de Administrador Diocesano.

Faço-o com muito gosto e igual emoção como todos certamente entendem.

É fundamentalmente uma palavra de gratidão. Ao nosso Conselho de Consultores, primeiro pela confiança que depositou em mim ao indicar-me para assumir as funções que agora termino, de Administrador Diocesano. Depois pela maneira amiga e disponível como estiveram comigo sempre e nomeadamente quando lhes solicitei o seu conselho e o seu parecer.

Depois aos Senhores Bispos Auxiliares, Senhor Dom Pio Alves e o Senhor Dom António Augusto Azevedo. Pela maneira leal e fraterna com que me acompanharam. Com que me aconselharam e ajudaram a conduzir este barco até aqui. Muito obrigado.

Também ao nosso Vigário Geral e à Cúria Diocesana significamos a nossa gratidão, como ao nosso querido Presbitério e Diáconos Permanentes pela maneira amiga como me acolheram e estiveram comigo.

E é também uma palavra de saudação, de parabéns, e uma palavra de esperança.

Ao Senhor Dom Manuel, queremos felicitá-lo, saudá-lo e cumprimenta-lo, pela missão que agora assume. Aceitamo-lo, já o dissemos, como dom Deus trazido até nós pelo zelo apostólico do nosso querido Papa Francisco, que saudamos com particular carinho.

Desejamos-lhe, do coração, Senhor Dom Manuel, as maiores venturas na condução deste Povo de Deus, que lhe fica confiado. Os maiores sucessos. A maior realização do seu ministério episcopal

Significamos-lhe e prometemos-lhe inteira obediência, total lealdade na colaboração mais estreita e dedicada na condução desta Igreja que está no Porto. E, conhecendo como conhecemos este bom povo, penso que podemos assegurar-lhe também a sua filial obediência, e a sua pronta colaboração, no profundo espírito de corresponsabilidade que o distingue. Sem condições. É o seu Bispo.

Não podemos deixar de recordar o nosso querido e saudoso Dom António Francisco, que em tão pouco tempo se identificou connosco, que em tão pouco sentimos como nosso. O “nosso querido Bispo”. Damos garças a Deus por ele, pela bênção que foi para a nossa diocese e suplicamos-lhe uma prece, junto do Pai, pelo bom sucesso desta nova etapa da nossa história que agora começa sob a Bênção da Senhora de Vandoma. Nossa Senhora da Assunção.

+ António Maria Bessa Taipa

 
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Quer receber as nossas novidades no seu e-mail? Subscreva a nossa Newsletter especificando o seu endereço de e-mail:

Entrada Solene de D. Manuel Linda na Diocese do Porto

Agência Ecclesia

Recursos Gráficos
2018-07-13 15:07:10
Word
2018-07-13 14:53:13
Google Calendar - .CSV
2018-07-13 14:52:18
Faixa publicitária
Faixa publicitária


© Diocese do Porto, Todos os Direitos Reservados.