Faixa publicitária
Entrada Solene - Mensagem de D. António Taipa PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Documentos - Textos e Apresentações


Meus irmãos

O nosso muito obrigado por terem aceite o convite para participar nesta solene Celebração Eucarística que marca o início do serviço episcopal, nesta nossa querida Diocese do Porto, do Senhor Dom Manuel da Silva Rodrigues Linda. É um momento histórico para a nossa diocese. Um novo Bispo. Uma nova etapa na sua história.

Devo uma palavra ao terminar a minha missão de Administrador Diocesano.

Faço-o com muito gosto e igual emoção como todos certamente entendem.

É fundamentalmente uma palavra de gratidão. Ao nosso Conselho de Consultores, primeiro pela confiança que depositou em mim ao indicar-me para assumir as funções que agora termino, de Administrador Diocesano. Depois pela maneira amiga e disponível como estiveram comigo sempre e nomeadamente quando lhes solicitei o seu conselho e o seu parecer.

Depois aos Senhores Bispos Auxiliares, Senhor Dom Pio Alves e o Senhor Dom António Augusto Azevedo. Pela maneira leal e fraterna com que me acompanharam. Com que me aconselharam e ajudaram a conduzir este barco até aqui. Muito obrigado.

Também ao nosso Vigário Geral e à Cúria Diocesana significamos a nossa gratidão, como ao nosso querido Presbitério e Diáconos Permanentes pela maneira amiga como me acolheram e estiveram comigo.

E é também uma palavra de saudação, de parabéns, e uma palavra de esperança.

Ao Senhor Dom Manuel, queremos felicitá-lo, saudá-lo e cumprimenta-lo, pela missão que agora assume. Aceitamo-lo, já o dissemos, como dom Deus trazido até nós pelo zelo apostólico do nosso querido Papa Francisco, que saudamos com particular carinho.

Desejamos-lhe, do coração, Senhor Dom Manuel, as maiores venturas na condução deste Povo de Deus, que lhe fica confiado. Os maiores sucessos. A maior realização do seu ministério episcopal

Significamos-lhe e prometemos-lhe inteira obediência, total lealdade na colaboração mais estreita e dedicada na condução desta Igreja que está no Porto. E, conhecendo como conhecemos este bom povo, penso que podemos assegurar-lhe também a sua filial obediência, e a sua pronta colaboração, no profundo espírito de corresponsabilidade que o distingue. Sem condições. É o seu Bispo.

Não podemos deixar de recordar o nosso querido e saudoso Dom António Francisco, que em tão pouco tempo se identificou connosco, que em tão pouco sentimos como nosso. O “nosso querido Bispo”. Damos garças a Deus por ele, pela bênção que foi para a nossa diocese e suplicamos-lhe uma prece, junto do Pai, pelo bom sucesso desta nova etapa da nossa história que agora começa sob a Bênção da Senhora de Vandoma. Nossa Senhora da Assunção.

+ António Maria Bessa Taipa

 
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Quer receber as nossas novidades no seu e-mail? Subscreva a nossa Newsletter especificando o seu endereço de e-mail:

Entrada Solene de D. Manuel Linda na Diocese do Porto

Agência Ecclesia

Brochura Caminhada
2018-11-14 16:53:38
Word - V5
2018-11-06 15:59:47
PDF - V4
2018-11-06 15:45:09
Semana dos Seminários
2018-10-22 15:26:09
Faixa publicitária
Faixa publicitária


© Diocese do Porto, Todos os Direitos Reservados.