Faixa publicitária
“Peço a vossa ajuda para falardes de Deus nas redes sociais” PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Notícias - Notícias

O bispo do Porto, na Celebração de S. Jorge com o CNE, em Paredes, convocou os jovens a falarem da Palavra de Deus nas plataformas digitais

No sábado dia 28 de abril, D. Manuel Linda esteve com o CNE-Corpo Nacional de Escutas da diocese do Porto. Foi na celebração de S. Jorge, patrono mundial do escutismo, que o bispo do Porto teve oportunidade de, pela primeira vez encontrar-se com os escuteiros da diocese. Eram mais de 5000 os escuteiros que estiveram no Parque da Cidade de Paredes provenientes dos 125 agrupamentos da diocese. Segundo fonte oficial da organização estiveram neste encontro 1225 Lobitos, 1445 Exploradores, 1164 Pioneiros, 365 Caminheiros e 805 Dirigentes.

 

Na Eucaristia a que presidiu, D. Manuel Linda proferiu algumas palavras iniciais de acolhimento sublinhando a importância da celebração eucarística como um “contacto com o centro da nossa Fé que é Jesus”.

O bispo do Porto iniciou a sua homilia perguntando quais eram os jovens que queriam uma homilia “com palavras muito difíceis que ninguém entenda e muito longa”. Perante a reação dos milhares de jovens presentes, D. Manuel Linda afirmou: “graças a Deus que só vi três dedos no ar” e propôs a sua reflexão em ritmo de síntese.

Recordando as leituras da Sagrada Escritura o bispo do Porto convidou os jovens a falar de Deus a muitos que não O conhecem. Quero que todos os que têm Fé ajudem a levá-la aos que não a têm” – disse D. Manuel assinalando que os escuteiros são um setor “tremendamente importante” na diocese. E pediu-lhes uma colaboração especial: “Peço a vossa ajuda para falardes de Deus nas redes sociais” – declarou o bispo do Porto convocando os jovens para falarem de Deus e da sua Palavra nas plataformas digitais. “Vós usais tantos programas das redes sociais. Nessas redes que vós usais introduzi também os temas de Deus” – disse D. Manuel.

Partindo da história da gota de água que se juntou a outras tantas gotas que se transformam em rio e que são ajudadas pelo sol a superar uma duna de areia e assim conseguirem chegar ao mar, o bispo do Porto comunicou a seguinte lição aos milhares de escuteiros reunidos no Parque da Cidade de Paredes:

“Caros meninos e meninas, adolescentes, jovens, a Fé faz-nos isto: juntar e sermos este vapor de água, no sentido positivo do termo, que ultrapassa a grande dificuldade da duna e que nos faz chegar à grande meta. Sozinhos, individualmente não chegamos. Precisamos de estar todos em conjunto. E é este o elemento típico do Corpo nacional de Escutas: saber trabalhar em grupo. Não na individualidade, que isso não leva a lado nenhum. E depois a Fé é este sol que nos ajuda a passar por cima das dificuldades. É este sol que vai fazer com que ultrapassemos as dunas que a vida, muitas vezes, coloca à nossa frente.”

D. Manuel finalizou a sua homilia com um pedido: “Peço-vos, sede vós também para os vossos colegas, das vossas idades, uma espécie de sol que ajuda a passar esta imensa duna, às vezes intransponível, das dificuldades da vida, particularmente no campo da Fé.”

Por Rui Saraiva - VP

 
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Quer receber as nossas novidades no seu e-mail? Subscreva a nossa Newsletter especificando o seu endereço de e-mail:

Entrada Solene de D. Manuel Linda na Diocese do Porto

Agência Ecclesia

Guia?o.56.ª.Semana.Orac?a?o.Vocac?o?es Versão reduzida
2019-04-26 12:20:40
Cartaz e banner FB
2019-04-17 14:56:29
Pagela Oração
2019-04-17 14:56:10
Guião
2019-04-17 14:55:11
Faixa publicitária
Faixa publicitária


© Diocese do Porto, Todos os Direitos Reservados.